Conheça algumas patologias relacionadas ao Ombro

Por David Homsi via www.webrun.com.br
A anatomia do ombro é bastante complexa

A anatomia do ombro é bastante complexa
Foto: Edwin Pijpe/Stock.Xchng

O objetivo deste artigo é tornar acessível o conhecimento da articulação do ombro, de maneira ampla e pouco cansativa, visando uma melhor compreensão dos problemas desta articulação.

Anatomia do Ombro

A anatomia do ombro é bastante complexa, devido ao seu grau de instabilidade e grande arco de movimento que realiza. Para compreendermos melhor esta articulação devemos conhecer inicialmente sua anatomia.
O ombro possui várias estruturas ósseas, ligamentares, tendinosas e musculares, sendo dividas nas seguintes estruturas:

-ósseas- úmero, escapula (coracoide, acrômio e glenoide) e clavícula;
-ligamentares- gleno-umerais(anterior e posterior), coraco-acromial e coraco-clavicular (trapezóide e conoide);
-musculo-tendineas- manguito rotador (supra-espinhal, infra-espinhal, subescapular e redondo menor), deltóide, romboides e bíceps (cabeça longa principalmente), estruturas estas protegidas parcialmente pelas bursas sub-acromial e sub-deltoidea.

Patologias do Ombro

O ombro é acometido por diversas patologias com características peculiares a região articular que acomete:

-bursa- bursites;
-tendões- tendinites, rupturas, síndrome do impacto e calcificações;
-ligamentos- instabilidade e luxações;
-osso- fraturas;
-articular- artrose e artrite.

O grande problema destas patologias é o grau de incapacidade que exerce sobre o paciente, por provocar fortes dores e imobilidade articular.

Diagnóstico

Os princípios básicos para o diagnóstico das patologias do ombro são:

-historia clinica completa;
-identificação de sinais e sintomas que auxiliam na descoberta da patologia;
-exame físico detalhado;
-utilização de exames complementares (radiografia, ultrassom, tomografia, ressonância)

Tratamento

O tratamento das patologias que acometem o ombro são bastante diversos, que vão desde uso de imobilizações (tipóia, “8” e gesso), cirurgias (abertas e artroscopia) e fisioterapia, porém a melhor forma de tomar conhecimento das patologias e seu tratamento especifico é consultar um ortopedista especialista em ombro para solicitar maiores esclarecimentos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s